03/04/2014 - 10h11min
Notícias

Roberto Costa crítica silêncio da oposição e cobra atitude dos parlamentares

Cansado de ver a oposição subir à tribuna da Assembleia Legislativa para criticar o Governo do Estado, o deputado estadual Roberto Costa (PMDB), lamentou, em seu pronunciamento desta quarta-feira (02/04), o silêncio dos colegas oposicionistas quanto ao envio de recursos na ordem de R$ 250 mil de emenda parlamentar do deputado federal do Maranhão Simplício Araújo (SDD) para uma instituição pública de São Paulo. Também destacou a falta de atitude dos parlamentares quanto à greve dos agentes de limpeza pública, na região metropolitana da Capital.

Roberto Costa destacou que Simplício Araújo preferiu destinar suas emendas para uma instituição de ensino de São Paulo (UNIFESP), ao invés de colaborar com as universidades locais.

“Me surpreende um dos líderes da oposição destinar recursos para o Estado mais rico do país. Aqui já se discutiu a questão da Universidade Estadual do Maranhão diversas vezes, a situação que a UEMA passa, mas, até agora, não vi nenhum deputado federal, inclusive da oposição, fazer uma destinação de recursos para atender a UEMA, mas fez agora para uma faculdade de São Paulo. Essa é a grande preocupação que a oposição tem hoje para o Maranhão. Na hora de criticar, sabe criticar, mas na hora que tem as condições de fazer, não fazem e priorizam o estado de São Paulo”, criticou.

Greve dos Garis – Costa também ressaltou a greve dos agentes de limpeza pública de São Luís que decidiram pela paralisação por tempo indeterminado tendo em vista não ter atendida a pauta de reivindicações da categoria pela Prefeitura. E, cobrou uma atitude dos colegas de oposição no sentido de interceder no movimento, como tanto fazendo com o Governo do Estado.

“Vim pedir aqui o apoio também da oposição para resolver o problema da greve dos garis que decretaram hoje na nossa cidade. Inclusive eles estão solicitando 24% de aumento, aumento do ticket alimentação, e o presidente do Sindicato dos Garis disse hoje que estão discutindo a jornada de trabalho. Então, eu hoje quero pedir o apoio da oposição ou de algum deputado da oposição, que mais se liga em relação a resolver os problemas de greve, para nos ajudar a resolver também o problema dos garis da prefeitura de São Luís. Esse é o apelo que eu faço”, pontuou.

Além do reajuste salarial, a categoria pretende discutir com a empresa e o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC) sobre a jornada de trabalho dos profissionais da limpeza pública que é de 12 horas.

Deputado Estadual - Roberto Costa - Todos os direitos reservados
Av. Jerônimo de Albuquerque, s/n - Sítio do Rangedor - Cohafuma - São Luís - Maranhão
Telefone: (98) 3131-4200
E-mail: deputadorobertocosta@gmail.com